PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL

(em compras superiores a 15€)

PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL (em compras superiores a 15€)

  • 0 Items - 0,00
    • Carrinho vazio.

Shop

14,93

Preço fixo até 31/12/2016 (?)

Preço livre (?)

Diário da Guerra aos Porcos

No meio do terrível conflito, como num moderno «Romeu e Julieta», floresce o amor secreto entre o velho Vidal e a jovem Nélida...

Em stock

Também disponível em EBOOK nas seguintes lojas:

pgn_btn_3
pgn_btn_5
pgn_btn_1b

Caraterísticas

Chancela

ISBN 9789896231859

Data de publicação Janeiro de 2015

Edição atual 2.ª

Páginas 208

Apresentação capa mole

Dimensões 0x0mm

Género Ficção, Literatura

Partilhar

«Quem me dera ser o Bioy. Sempre o admirei como escritor e o estimei como pessoa.» - Julio Cortázar

Um certo dia, de forma inesperada, os jovens de Buenos  Aires decidem que quem tem mais de cinquenta anos é inútil à sociedade. Inicia-se, deste modo, uma misteriosa e terrível «guerra aos porcos», na qual, durante uma semana, os jovens da cidade fazem uma caça aos «velhos» com o intuito de os eliminar.

Isidoro Vidal e o seu grupo de amigos já reformados, que entre si se denominam «os rapazes», são apanhados desprevenidos no meio da violenta revolução geracional. A guerra obriga-os a alterar hábitos e a improvisar uma defesa desesperada. Têm de aprender a deslocar-se pela cidade em horas improváveis e esconder-se dos seus próprios filhos, que agora receiam. No entanto, no meio do terrível conflito, como num moderno «Romeu e Julieta», floresce o amor secreto entre o velho Vidal e a jovem Nélida..

«Tal como Borges, Adolfo Bioy Casares é um autor interessado nos segredos e mistérios, nos labirintos e perplexidades filosóficas da vida.» - The New York Times

«Como sempre nos livros de Bioy Casares, a construção narrativa é de uma solidez à prova de bala. Nada falha na articulação dos vários planos narrativos, no brilhantismo discreto do estilo, na fluidez dos diálogos ou na alternância entre a ação propriamente dita e a subtil descrição do estado anímico das personagens.» - José Mário Silva, DN

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Diário da Guerra aos Porcos”

O seu endereço de email não será publicado.

Relacionados